sábado, abril 19, 2008

Sementes, flores, frutos, alegrias e comoções...

Eu aqui trabalhando... abro o correio e tenho uma mensagem da T (acabada de enviar) avisando que publicou mais uma coisa no Turbêturma... Agradeci e fui ver... (Aproveitei e visitei também o seu blogue pessoal onde encontrei esta entrada deliciosa... deixando comentário com correcções ao texto). Eles aproveitam bem o material que vou deixando na teia. É assim uma espécie de cumplicidade. Faço fotos, filmes e agora que estão mais à vontade, explico como podem aproveitar isto tudo para os seus espaços pessoais, para o blogue da turma...

Mas... nada me prepara nunca para as surpresas destas pessoas doces que têm partilhado o caminho comigo, durante quase dois anos, depois das pistas e dicas que vou deixando...

Fui então até ao Turbêturma... e encontrei isto.
Fiquei encantada e comovida, confesso. O que querem? Tenho esta tendência por conta de um coraçãozito frágil e sensível...

É por estas coisas e por tantas outras (apesar de tudo sou uma privilegiada por ter a sorte de ter aos meus cuidados estes meninos...) que continuo a achar que vale a pena gastar este tempo extra com eles...

Tantos frutos perfumados... tantas rosas no jardim...
Uma outra forma de felicidade que apenas sente quem semeia e depois vê as sementes germinar
.

7 comentários:

Anónimo disse...

Bem... que meninos que têm Teresa :D e que sementes vai deixando... não quer mudar-se cá para o alentejo é que daqui auns 2 aninhos tenho uma menina no 5ª ano ;) Continue porque vale muito, muito, muito a pena...
Beijinho
Ilda
Só mais uma coisinha que voz que tem esse menino ou menina (não consegui decifrar) :D

Existente Instante disse...

Não estás sozinha não! Porque do outro lado dos fiozinhos,, tens colegas com o mesmo sonho.
Sonhozices de Sábado de Tarde invernoso, desculpa.

3za disse...

É uma menina... Já está encaminhada... Tem um dom precioso mas mantém os pés no chão...
Alentejo... era uma ideia :)
Tenho aqui umas mamãs colegas a fazer os mesmos pedidos...

Pois, existente instante, adivinhava... tu e mais uns quantos cavaleiros a tentar evitar o apocalipse :)

Anónimo disse...

Engraçado... hoje fui ver o filme "Nunca é tarde demais", no qual, uma das personagens principais, descrevia assim o sentido da vida: "Para mim, o sentido do vida mede-se pela quantidade de pessoas nas quais deixamos marca".
O seu sentido de vida deve ser enorme...
Beijinho
Rute Torres

3za disse...

Ai Rute... que coisa linda para me dizeres (trata-me por tu)... tocou fundo. Não tinha pensado nisso dessa maneira... realmente sempre senti que há muito sentido na minha vida... que à noite me deito com esa sensação de que fui útil, servi com ternura uma causa que me é querida... sim... pois... o sentido da vida... faz todo o sentido... Beijinho e obrigada!

Anónimo disse...

Até senti arrepios.... ui....

3za disse...

:)