domingo, dezembro 25, 2011

sexta-feira, dezembro 23, 2011

sábado, dezembro 17, 2011

Últimas (tantas!) EduScratch...

Natal a qualquer hora... (partitura)

André Cabaço http://www.myspace.com/andrecabaco3, músico e professor de música na AB1 de Aiana de Cima (e escolas do mesmo agrupamento), fez a partitura da canção de Natal que eu compus e produzi "artesanalmente", há uns anos, para os meus alunos (e que Aiana cantou ontem na Festa de Natal). 
Quem perceba de música e queira aproveitar/usar este recurso com alunos, pode agora fazê-lo com mais facilidade.
 (Obrigada, André!)
 Ensaio geral para a Festa de Natal (dei um modesto contributo com a guitarra, porque o músico é o André :)

será...

... que foi


um dia...

... fiz uma


sexta-feira, dezembro 02, 2011

A longa (e bonita) viagem de um postal de Natal feito com o Scratch...



Já passaram quase três anos sobre o seu nascimento...
Viajou pelo MIT -  http://scratch.mit.edu/projects/teresamar/344195 - onde foi destacado pela equipa  (um dos featured projects na altura).
Viajou para o portal Scratch SAPO, quando ele nasceu, e aí se manteve sossegadinho à espera...

Scratch Project

No ano passado, o Scratch invadiu a EB1 de Aiana de Cima pela mão da professora Ana Chambel e, este ano, todos os professores dessa escola foram contaminados.
Resultado?
Todas as turmas de Aiana de Cima estão a trabalhar com o Scratch em sala de aula... Quatro turmas do 1.º ao 4.º ano.

Um dia descobrem este postal e têm uma ideia: por que não cantar esta canção no momento em que todos os meninos da escolinha se apresentam na festa de Natal do agrupamento?
O professor de música escuta/vê o postal no computador... escreve uma partitura (que a autora não percebe nada de música) e ensaia todas as crianças em conjunto com os professores.
Os meninos produzem projetos Scratch alusivos ao Natal para projetar durante a canção e aqui a 3za é convencida a estar presente, enquanto autora do postal e da canção (e enquanto parceira de aventuras com as TIC), para acompanhar com a sua guitarra (o professor de música também, um de cada lado) as quatro turmas a cantar na festa.

Resultado?
Dia 15 lá irei de manhã para o ensaio geral... Dia 16 lá estarei na festa de Natal ao lado dos meninos que tenho acompanhado enquanto elemento do CCTIC-ESE/IPS. O papel do técnico tem de ir muito mais do longe do que apenas o apoio eficaz, eficiente e distante... Ele deve ser motor de sonhos, entusiasmos e de sementes. Um jardineiro. Porque não deixa nunca de ser professor, ao lado dos seus pares, adoptando como seus os meninos de outros, enquanto não regressa às suas turmas. É assim um professor com o desejo de chegar a mais escolas, mais meninos, abraçando mais causas do que apenas a sua.

Porque as TIC são feitas de gente... e só entrelaçadas com as pessoas chegam mais longe e mais fundo até ao lugar mágico onde se aninha o coração...