segunda-feira, outubro 13, 2008

Pontos de vista...

= a diversidade.

Importante, claro.
Mas...
se nunca escaparmos ao perímetro dos nossos
algum dia conseguiremos entender-nos verdadeiramente?

Era importante conseguir até 15 de Novembro encontrar os fios condutores que nos unam e dignifiquem a resistência aos absurdos, conseguindo transmitir aos outros as razões essenciais que nos movem.

A reflexão está viva e isso é o melhor.

Alguns espaços de referência onde acontece:

http://apede.blogspot.com/
http://olhardomiguel.wordpress.com/
http://educar.wordpress.com/
http://www.profblog.org/


4 comentários:

Luis disse...

"Calar-se equivale a deixar crer que se não julga e que nada se deseja;
e, em certos casos, isso equivale, com efeito, a não desejar coisa alguma”

Sophia de Mello Breyner

Tirei do Post do Professor Rui Batista - do Blog De Rerum Natura

http://dererummundi.blogspot.com/2008/09/novas-oportunidades-ou-novos.html

Anónimo disse...

"resistência aos absurdos"
Mas são tantos os absurdos e tão poucos, na escola , a resistir...
Que fazer? Continuar as minhas pequenas resistências diárias: pensar mais nos alunos e menos nesta "fichite" galopante que nos sufoca. E dia 15 lá estarei!
Bj Teresa, os seus fios de teia animam-me ...
Sami

Anónimo disse...

"resistência aos absurdos"
Mas são tantos os absurdos e tão poucos, na escola , a resistir...
Que fazer? Continuar as minhas pequenas resistências diárias: pensar mais nos alunos e menos nesta "fichite" galopante que nos sufoca. E dia 15 lá estarei!
Bj Teresa, os seus fios de teia animam-me ...
Sami

3za disse...

Obrigada pela partilha Luís... :)
Sami, dois niveis de resistência: a de que falas (faço-a constantemente) e depois a outra, mais global e concertada... Ambas são necessárias... Temos de conseguir...
Obrigada pelas visitas e mimos!
Beijinho