sábado, fevereiro 11, 2006

Elos e Manias 2: "É só Manias!"

Não se esqueçam de consultar o fio de teia anterior... esta é a sequência.


Depois de conferenciar com o Cara-Metade (que é quem tem de aguentar as manias mais de perto) e de muito pensar... (Tenho a mania de pensar muito nas coisas, que é como quem diz, pensar exageradamente nas coisas... de mais, portanto... por isso é que é mania... Olha! Uma mania já está! Fui desafiada duas vezes, portanto, se passar das cinco, não se admirem. Estou moralmente autorizada. Estarei?):


  • Mania de fazer listas e mais listas e mais listas... Organizo a vida com listas para não me perder nos meus próprios pensamentos, controlar a enorme vontade de desorganizar os dias e a minha tendência para o caos. Nas minhas listas podem encontrar-se as coisas mais diversas: fazer sopa, vitaminar os bonsais, tratar dos ouvidos da cadelita, borrifar as crisálidas das borboletas em hibernação (um dia explico), limpar a casa (imagine-se!), acabar os documentos para o Conselho Pedagógico, fazer materiais para o trabalho com fracções, podar as roseiras, fazer puré, levar os lixos para a reciclagem, lavar roupa, digitalizar imagens para os blogs dos miúdos, ler os textos para a oficina de Matemática. Há as listas de casa (que referi), as da escola (lançar faltas, levantar as fichas, falar com..., fotografar os alunos, reunião com, arrumar dossier...), as do supermercado e restantes compras, as listas coladas ao pé do computador, um caderninho lindo com listas de ideias giras para entradas no blog... Impossível de imaginar este meu Universo listado. Adoro deitar uma lista fora quase cumprida... mas o que não cumpro, vai para uma nova lista. Mania das listas, sim. Acho que é uma mania (ou coisas a mais para fazer ao mesmo tempo?)
  • Mania de "coleccionar para uso" material dito escolar... É impossível imaginar a quantidade de canetas, lápis, borrachas, lapiseiras, cadernos engraçados, blocos, folhas de papel, "postits"... que possuo espalhados pela casa, na mala da escola, na mochila "de sair"... Adoro uma boa papelaria, a secção de artigos deste tipo num supermercado... mania de que me falta sempre mais qualquer coisa, mesmo que só daí a muito tempo a venha a usar... Quando a mala da escola se entreabre... é comum ouvirem-se exclamações... de alunos e de colegas. Está tudo dito. Não é consumismo. É um fascínio absoluto por aquilo com que se escreve e por aquilo onde se escreve. Desde pequena. Mania (ou vício?), pois.
  • Mania de ter sempre de reserva algo que substitui o que se acaba. Sim. Funde-se a lâmpada fosforescente da cozinha e já há uma em casa. A seguir compro logo outra para ficar de reserva. Podem ser vitaminas, azeite, comida dos animais, água, fósforos, velas... não interessa. Não gosto de interrupções, deve ser isso. A continuidade das coisas é uma mania que me acompanha desde há muito. Vou pensar neste assunto. Deve ter algum significado. Por ser algo excessivo, só pode ser uma mania... Será?
  • Mania de não conseguir deixar para amanhã o que posso fazer hoje. Pergunta que mais ouço nesses acessos permanentes de querer acabar com as listas todas ao mesmo tempo: "Mas tem de ser agora? Não pode esperar por amanhã?" Não não pode! Agora, hoje, já. Neste momento. De preferência até antes de já. Mania de fazer tudo muito antes sequer de os outros pensarem no assunto. Não sei bem porquê. Terei receio de não estar cá amanhã?
  • Mania de fazer filmes completos a partir de um quase nada. Bem... Rosa Montero explica esta minha mania. Própria de quem fantasia, de quem escreve. Nem é bem mania... é condição de ser. Quando dou por mim construí uma história completa, desenhei um filme inteiro a propósito de um minúsculo grão... Imaginei um futuro inteirinho todo às cores e a três dimensões. Cá em casa ouve-se com frequência, num tom sempre carinhoso: "lá estás tu a fazer os teus filmes"... pois... deve ser mania, então. O "frequentemente" diz tudo. Será que à força de inventar futuros, quero garantir que terei um?
  • Mania de ler muitos livros ao mesmo tempo. Nem explico. Bastaria olhar para a sala, o escritório e a minha mesa de cabeceira... Olhar para as lombadas, reconhecer a enorme diversidade de temas para perceber. Perceber o quê? Eu própria não sei se percebo...
  • Mania de fazer perguntas. Mania de usar pontos de interrogação? Já perceberam, não perceberam? Acho que me assustam os pontos finais. Tenho clara tendência para uma evolução desta mania em direcção ao excessivo uso de reticências... Não vos parece?

Desenho de Fátima Pais http://mfatimapais.blogspot.com/

18 comentários:

elisabete disse...

Ao ler as tuas, revejo algumas minhas, as manias. :o) Engraçado... Mas cá em casa é mesmo o gato que as atura. Tadito! :o)No entanto, em mim, vejo que, de facto, actualmente, tenho mesmo poucas manias, em relação à minha "vida anterior"... Será melhor, pior...??? Acho que sou mais feliz assim, de qualquer modo, pelo menos por ora, por isso, ao menos para mim, deve estar a ser melhor. Mas tenho que pensar em fazer a minha própria lista, realmente. Vou comentando aqui e ali, mas não me disponho a escrever mesmo no meu blogzinho sore as tais manias. Vou tendo a mania de escrever sobre mil outras coisas, pronto.

Herr Macintosh disse...

E é preciso não esquecer a mania da velocidade (não a conduzir, que aí és muito certinha) que te deu a famosa alcunha que não divulgarei...

Tit disse...

Gostei da mania das Listas - também tenho um bocadinho essa mania...lol

Ah... sabes que também tenho uma "Oficina de Matemática"? Mas a minha é para os alunos - regime facultativo - é tipo "consultório de dúvidas", para o 3º ciclo :)

Bjnhos

subROSA disse...

O Herr Mac tem a mania de não divulgar... rsssssssssssssssssss

3za disse...

Pois, pois... divulgo eu! Miss Speed era a dita alcunha. Acho que fica tudo mais que esclarecido. Estão a ver o filme? Não deixar para amanhã etc e tal. Ainda hoje mantenho esta coisa... mas agora, nesta nova escola, dizem que eu trabalho a duracel, das boas (aquelas dos coelhinhos)... eu acho que é mais com energia solar: baterias sempre carregadas...
Quanto à Oficina... esta é daquelas da APM, criada por nós e acreditada lá em cima. Eu tb criei um espacinho (Ilha do Tesouro MAtemático) com objectivo idêntico à tua Oficina. Para alunos, mas só os meus.

Sara S. disse...

Ai as manias! Esta corrente não vou quebrar (a mania de cortar correntes), até porque já tenho anos de azar acumulados para esta vida e as outras!
Tantas manias! Também tenho a mania das listas, o pior é a mania de não respeitar essas listas, e de guardar para amanha tudo o que podia fazer hoje.
Vou mas é responder ao desafio, mas tenho que pensar... "a mania de pensar muito nas coisas, que é como quem diz, pensar exageradamente nas coisas... de mais, portanto... por isso é que é mania..."
E a mania de falar muito, de tudo, demais, até chateia, acho que esta já tinha aos 8/9 anos, e onde me dava mais vontade de falar era nas aulas, acho que tinha a ver com a acustica das salas, ou com as dezenas de coisas que tinham que ser desesperadamente ditas antes do intervalo, era mais forte do que eu, porque infelizmente (ou não) a reguada e o castigo de ficar a escrever a tabuada do 7 no intervalo, no meu 4º ano, não resolveram o problema. ;)

Herr Macintosh disse...

O Herr Mac tem a mania de não divulgar...
A alcunha de Miss Speed é conhecida de poucos dos que ainda estão na Luísa Todi. Já que a 3za divulgou a sua alcunha deixem-me então explicar (para não ser acusado de ter a mania de não divulgar as coisas - será que é assim 3za?) a origem desse nome (e do meu).
Quando, há já muito tempo (parece que foi noutra encarnação), se decidiu na Luísa Todi que era altura de se fazer um Projecto Educativo, um grupo de carolas (no qual me encontrava eu e a 3za), decidiu pôr a escola em alvoroço editando uma revista chamada o PE (Projecto Educativo). O PE tinha todo o aspecto de uma coisa séria (e era-o, apesar do imenso gozo que nos dava fazer cada número e das gargalhadas que provocava entre os seus ávidos leitores) mas os seus autores estavam envoltos em mistério: cada um tinha uma alcunha (ou um nome de guerra) que foi decidida numa reunião da equipa completamente louca (a reunião, está bom de ver). Devido à minha inamovível lealdade aos Macintoshes passei a ser o Herr Macintosh e a 3za, devido à sua capacidade de fazer trinta mil coisas em simultâneo e quase à velocidade da luz, passou a ser a Miss Speed.
O PE teve oito números e chegou a ter uma versão para alunos e funcionários (Ao PE de Vocês) e uma online (O PE Online). Quando Jorge Sampaio visitou a Escola oferecemos-lhe uns exemplares e o Vice-Coordenador do CAE da altura gostava muito de ler a revista.
Pronto. Para que não se diga que eu faço parte de uma conspiração universal ou de uma qualquer organização secreta, aqui fica a história do PE, do Herr Mac e da Miss Speed.

3za disse...

Eu própria não contaria melhor a história... digamos que talvez precisasse do triplo das palavras... (nunca tive a mania da síntese... bem pelo contrário...). Bons tempos esses! Seria impossível agora, com as contigências sobejamente conhecidas...

Herr Macintosh disse...

Penso que o problema actual não são as contingências. Lembra-te que nenhum dos professores que fazia parte da equipa tinha horas de redução mas isso não nos impediu de fazer o PE (a revista e o Projecto propriamente dito) e dinamizar a Escola. Na altura não nos sentíamos era tratados da forma como estamos a ser.
digamos que talvez precisasse do triplo das palavras... É engraçado! Na última reunião de departamento tive de apresentar o nosso Plano Tecnológico e toda a gente ficou com medo que eu nunca mais me calasse... Para que conste, levei menos de cinco minutos.

3za disse...

Era dessas contingências que falava... o melhor valor que existia era a liberdade de gestão do tempo. Agora impõem-nos absurdos e não sobra tempo para o que realmente seria importante.
Quanto ao medo no CP... não entendo... medo deveriam ter se fosse eu a apresentá-lo! Digamos que... necessitaria do triplo... quádruplo... do tempo??? :)

IC disse...

Ó Teresa, só não te mando o meu programazinho de pôr post-it no ambiente de trabalho (tantos quantos se quiser, do tamanho que se quiser) porque tu enchias de tal maneira o ecrã que nem um espacinho te ficava para encontratres o atalho para a net... lol
(Eu não tenho mania de listas, mas tenho a de não usar agenda, pelo que antes de descobrir este programa o meu pc andava cheio de papelinhos pendurados, com vantagem de cores variadas e não só o clássico amarelo, mas com a desvantagem de cairem sem eu dar por isso e... lá se ia o que tinha para fazer no dia y à hora x)

3za disse...

Oh IC please, please, please! Onde é que eu arranjo esse programinha!!!! É que para além de mim e das minhas listas, o meu Cara-metade tem post-it(s) espalhados pela área de trabalho dele e pela minha! Ora como eu também os uso... podia ser uma maneira de suprimir alguns... Vão-se acumulando uns por cima dos outros... está a ver-se o efeito né? Eu sei que corro o risco de que falaste... mas adorava experimentar!!!

IC disse...

Teresa, o programinha já seguiu por email :)

MONICA disse...

Está é a nossa querida D.T! Não é A-TEAM?

Monica

MARIA SALOMÉ disse...

MANIA DE LISTAS!!! EU TENHO ESSA MANIA! E O ALIVIO QUE É RISCAR DA LISTA O QUE JÁ FIZ... QUE BOM.

Anónimo disse...

Oi Teresa, sou brasileira e trabalho na produção de um programa de TV chamado HAPPY HOUR. Ele é um programa diário que aborda diferentes temas.

Na próxima terça, gravaremos um programa chamado "mania de listas".

você gostaria de participar via skype com webcam?!

meu email: pamhughes@globo.com
telefone: 55 21 97629921

para ver o site do programa, vá em www.gnt.com.br e clique em Happy Hour

espero que participe conosco!

beijos,
Pam Hughes

Anónimo disse...

na proxima terça, 22 de Julho, às 14h em Brasília.

3za disse...

Olá Pam!
Até ia gostar! Mas viajo amanhã cedo para os STATES... e nesse dia de que fala estarei de viagem para Boston para assistir à conferência sobre o Scratch que se inicia a 24... e antes tenho reuniões de trabalho com o MIT e outras pessoas ligadas ao trabalho que estou a fazer com alunos. Assim... não me vai ser possível! Abraço e que tudo corra bem com o programa!|