domingo, junho 01, 2008

Dia mundial da criança?

Para o ano acabam-se as turmas reduzidas... tudo a 28!
(menos tempo para dedicar a cada criança)

Os professores estão cada vez mais ocupados com tarefas que os afastam dos seus alunos, depois de primeiro lhes terem reduzido a um nível insustentável a componente não lectiva.
(menos tempo para dedicar a cada criança)

Na escola os papéis são mais importantes do que as crianças.

Para o ano pareceu-me escutar que será o Ano Europeu da Inovação e Criatividade. Pois. Não sei porquê mas acho que quer para uma quer para outra faz muita falta um tempo de qualidade que está a desaparecer da escola.

Para mim todos os dias são dias da criança, vocês bem sabem... alguém o disse e reconheci essa verdade. Porque os meus gestos são coerentes com a importância que atribuo a cada criança.

O que dizer dos gestos de quem tudo lhes vem roubando, mas no discurso afirma demagogicamente que os coloca no centro?

Hoje celebro apenas a tristeza da hipocrisia. Amanhã estarei de volta ao abraço e continuarei a viver com eles os melhores dias da criança que lhes possa oferecer.


(A propósito de crianças e de mimos... não é que ontem no encontro abracei a Fátima dos cabaninhas? E não é que afinal já nos conhecíamos de uma outra ida minha a um Jardim de Infância em Setúbal há uns anos, onde trabalhava? E não é também que abracei a minha Cristina GS depois de tantos meses, mais de um ano, de carinhos por correspondência? E não é que falei dos meus meninos, os levei comigo no coração e foi por eles que lá estive?)

4 comentários:

Maria do Carmo Cruz disse...

Teresa do Lindo Nome, não só consegues que todos os teus dias sejam Dias da Criança como ainda realizas o milagre de os fazeres todos diferentes uns dos outros. Não gastes o teu Tempo precioso a temer o Futuro. Tu estás a construí-lo, qual Penélope que refaz a teia que outros destroem. Até ao Dia D. Que Deus te abençoe. Carmo

3za disse...

Gasto apenas o indispensável para manter a lucidez (e a revolta) que me permite ir lutando pela construção de melhores dias, evitando que o pior futuro aconteça. Mais tempo do que isso, tal como dizes sabiamente, é um enorme desperdício de energia...
Tu bem sabes...
Tão bom ter-te sempre aí fada nossa com corpo de Avó... :) Beijinho

Os cabaninhas disse...

Para além de outras coisas estes seminários oferecem-nos estes momentos de encontro e reencontro, sorrisos e ternuras que por minutos nos fazem esquecer outras coisas que não nos agradam tanto...
Beijinhos.Fátima.

3za disse...

Tens razão... e foi tão bom o encontro! Beijinhos