sábado, abril 28, 2007

Manhã

Sábado muito preenchido este.

Começou cedo a minha manhã em Lisboa na conferência promovida pela ASA (Encontros de Primavera) em torno do ECD, a cargo de Alcino Matos Vilar da Escola Superior de Educação do Porto e moderação de José Matias Alves.

Gostei das perguntas (im)pertinentes...

Das reflexões de ambos...

Das pistas deixadas...

E uma decisão que se reforça na minha mente.
Escolher ser Professora, sim. E lutar para que se dignifique essa opção e não se transforme o Professor Titular num professor de primeira e um Professor "só" Professor, num professor de segunda.
Não entregar as armas, portanto.


(Nunca.)




Saber mais:
http://terrear.blogspot.com/2007/04/encontros-de-primavera.html

2 comentários:

margarida disse...

Tens mais do que razão.

Se eu pudesse deixava muitos professores com pouco tempo de serviço concorrerem a professores titulares.
Penso que muitos colegas não se deram conta, ainda, do que será ser professor titular e só estão preocupados com os "pontos", se os têm ou não.

(desabafo)

3za disse...

.... pois.
Realmente eu sinto que cada qual deve seguir a sua vocação e não ser penalizado por isso. Há gente com perfil fantástico para titular e gente que não o tem... Até posso admitir essa eventual diferenciação na acção.... mas na forma de a recompensar/valorizar é que nunca!