terça-feira, abril 03, 2007

Fim de tarde...


Bonito...
Mesmo com casas... mesmo com cabos... mesmo com pegadas de homem.
Bonito.
Lembrei-me de José Gomes Ferreira

(...)
O céu, ao menos, não tem muros.
E as aves não riscam fronteiras
nem põem vidros partidos nas nuvens.
.

2 comentários:

CCF disse...

nem imaginas o quanto gosto dele...encontrava-o de carne e osso nos transportes públicos em Lisboa...e não só nos eléctricos que fazia entrar nos seus poemas, uma vez também o vi no metro...
Acho que é um poeta esquecido, não teve ainda a homenagem que merecia, ou talvez lhe chegue estas entradas por aqui. beijinho
~CC~

3za disse...

Temos isso em comum (entre muitas outras coisas)... poeta de eleição... esquecido, sim... gostava de o ter encontrado por aí... mas não tive essa tua sorte... Vamos lembrando, pode ser que lhe realmente lhe chegue... mas devia ser feito muito mais...
Beijinho