domingo, maio 24, 2009

Adormecer daqui a pouco...

Amanhã muito cedo... partir para Ribamar.
Uma escolinha a precisar de miminhos de escritor. Raras oportunidades de algum por lá passar.
Terão de contentar-se com esta aprendiz.
Muitos meninos, das 9 até quase às 13...
As missões de amor sem obrigação.
Regressar a correr sem almoçar, que me espera reunião em Setúbal para correctores de provas e guardo a secreta esperança de chover uma sorte em mim e ser mandada embora como suplente, no final da sessão. Mas já esperando o pior...
Fim de semana intenso a trabalhar... mas sem chegar ao fundo do que desejava.
O tempo prega partidas, o tempo desliza, o tempo não se deixa segurar.

Só um bocadinho de música, mais umas palavras e uns livros para folhear.
A seguir... adormecer.

2 comentários:

Isabel Preto disse...

Esses meninos de Ribamar, têm sorte por receber uma escritora/animadora como tu, para mim és encantadora de crianças.
Quanto às provas, duvido que escapes, Teresa. Nós fomos a Pinhal de Frades na sexta e todas trouxemos os queridos pacotes para classificar! Não dispensaram ninguém. Há 4 anos seguidos, que classifico!
A de Português, este ano, para complicar tem códigos duplos em algumas questões! Só quando conseguir terminar...poderei voltar a fechar os olhos, para adormecer em paz. Até lá...é um dormir em sobressalto!
Beijinhos...Um dia especial em Ribamar e o desejo que escapes das provas. Dorme bem.

3za disse...

:)
Também tenho nenhuma esperança... ou quase nenhuma... mas enfim... dizem por aí que é a última a morrer...
Beijinho