quarta-feira, setembro 26, 2007

Materiais autoinstrucionais (computador)


Foi há muitos anos (1999/2001).
Hoje teríamos feito diferente, sabemos isso. Mas se os materiais aparentemente reproduzem um modelo instrucional que em nada renova o paradigma escolar tão enraizado, a verdade é que por terem sido concebidos com a colaboração dos alunos (no nosso Laboratório de Multimédia - Nónio) mudaram, nesse contexto de trabalho, o dito paradigma: os alunos foram construtores antes de consumirem o seu próprio trabalho e de o oferecerem a outros.
Mas pronto. Gostamos deles. Levaram-nos tempos infindos a produzir (num tempo com mais tempo para se criar... agora seria completamente impossível) e aquele laboratório fervilhava de emoção com as conquistas e experimentação de software de ponta da Macromedia, pouco utilizado em Portugal na altura.

O mestre e maestro? Joaquim Lopes, é claro. Responsável pelo Laboratório e viciado em multimédia... :)
Eu gostava de ter ideias, imaginar coisas, conceber actividades... e li histórias para um microfone (actividade de compreensão oral). Algumas colegas pintaram aguarelas, fizeram desenhos. Alunos procuravam informação para ajudar a conceber as questões.

Mesmo incompletos, mesmo com erros, podem descarregá-los AQUI na Edigital, secção de downloads (procurem onde diz software) e usá-los. (Há materiais para Língua portuguesa, Ciências da Natureza, História, Matemática... e até um glossário da Internet)

Vá, sejam suaves na apreciação. Comecei por dizer que, se fosse hoje, teríamos feito muita coisa de outra forma... Mas foi ontem, não hoje, que os caminhos do multimédia se iniciaram para nós. E, naturalmente, fomos crescendo e aprendendo. Ainda assim, mesmo com defeitos, é um registo/exemplo com algum interesse (perdoem a imodéstia).



Sara e Elisabete... se passarem por aqui, esta entrada é, também, uma homenagem à vossa colaboração preciosa na altura... Doces alunas agora já "tão cresciiiidas"... Os vossos nomes constam na ficha técnica.

ADENDA: para ficar a saber a história completa... ir até AQUI

8 comentários:

IC disse...

Hoje deixaste uma memória :) Sim, pois 1999/2001 foi há muito tempo nesta coisa das TIC...
Fiquei com um nadica de inveja pelo mestre... bem, eu também tinha um a dar-me umas dicas, mas morava a 300 km, os meus SOSs eram pelo tele e pelo velho ICQ ;)

3za disse...

O nosso mestre só não dormia na escola. Sempre pronto para ajudar... O meu caminho nas TIC acelerou e tornou-se no que é "por culpa" dele. Pegou-nos o "bírus"... e ainda continua a espalhá-lo, como se vê.

Prof. Teresa disse...

bem, hás-de ler os meus coments ao Joaquim (http://www.edigital.homedns.org/blogue/?p=4#comment-14)... estou mesmo mal ....lol..... seja como for, vou instalar no nosso CRE :) beijocas

Herr Macintosh disse...

3za,

os materiais estão a sair (quase) como pipocas: sete downloads! É a loucura! Se calhar devíamos começar a cobrar e fazer várias edições à la Microsoft: Materiais Autoinstrucionais Ultimate, Materiais Autoinstrucionais Pro, Materiais Autoinstrucionais Home Edition, Materiais Autoinstrucionais Home Edition Ultimate Advanced.

P.S.: Isto é para contrabalançar o sentimento de professor grelhado.

3za disse...

Teresinha... já fui cuscar...
eh eh eh... gostei da ideia. Vou já preparar umas etiquetas e umas embalagens daquelas cheias de informação por fora que mal se percebe o q está lá dentro...

Anónimo disse...

Ainda me recordo de chorar por não entender nada de computadores (aqueles bichos).
Foi durante esse tempo, que aprendi muito do que sei hoje. Foi uma partilha de saberes que perdurou até hoje.
Agora sou eu, que sinto a falta do nosso Mestre. Joaquim!!!!! Preciso de ti aqui!!!!!
Dora

3za disse...

Dorinha!!!!!
Lembro essas lágrimas... E o pobre do nosso mestre a aturar-nos às duas nas conversas intermináveis sobre cães e gatos e outras coisas. Que saudade de um tempo com tempo para respirar e enfrentar desafios com entusiasmo e alegria. Tão bom "ouver-te" por aqui... Foi um tempo mágico! Beijinhos

Herr Macintosh disse...

Dora,

também eu tenho saudades de vos aturar a falar da bicharada. E também eu aprendi umas coisas (como podes ver no site da edigital).