sexta-feira, março 02, 2007

1 ponto por ano... menos tal e tal

A matemática continua na ordem do dia.
Pelas piores razões.

O Paulo Izidoro, no seu Bibliotequices, faz uma análise brilhante de um dos absurdos (e são tantos) directamente relacionado com a coordenação das BE-CREs (e o primeiro concurso de acesso a professor titular).
A não perder.
A divulgar.

http://bibliotequices.blogspot.com/2007/02/1-ponto-por-ano.html

3 comentários:

Anónimo disse...

E o que dizer da situação dos docentes que há 10 anos (e nos anos que se seguiram) nos CAE's e/ou em outros serviços do ME ajudaram a afirmar e a consolidar a Rede das Bibliotecas Escolares, enquadrando, apoiando e formando os colegas coordenadores das bibliotecas nas Escolas e, depois, nos agrupamentos? Recebem apenas 3 pontos!!!... 3 pontos únicos sem poderem contabilizar outros 7 porque, segundo a actual equipa ministerial, não "estiveram em exercício efectivo de funções em escola ou agrupamento da rede de estabelecimentos públicos"... Curioso!... Sem eles muitas das biliotecas nunca teriam surgido... Em outros tempos por mim vividos... afirmava-se que a "cantiga é uma arma!" Alguns de nós acrescentavam...: "mas com a arma é outra cantiga!..." Começo a sentir saudades desses tempos...

Assina: subROSA

3za disse...

Pois... Lembro-me bem... Do vosso empenho, do vosso envolvimento, do espírito de missão. O absurdo é tanto que só posso admitir que é anedota, pesadelo e não sairá do papel para a acção... ou... nem sei...
Abraço!

Arte por um Canudo 2 disse...

Existem outros também que nem são nomeados.Comissão de avaliação de docentes, comissão paritária,cordenador de área de projecto, membro da assembleia de escola,director de turma e outros .É triste mas é a realidade.