segunda-feira, maio 19, 2014

A força de um abraço...

Sábado que passou celebrou-se mais um Scratch Day... e este foi particularmente especial para mim.


As razões são simples:

- Foi o primeiro que não ajudei a organizar de forma direta e ativa, colaborando apenas modestamente na sombra, devido aos muitos afazeres na escola e às excessivas missões de natureza mais burocrática. A organização ficou este ano a cargo do CCTIC da ESE/IPS e da ANPRI, pela mão de Amig@s muito especiais que, mais uma vez, colocaram de pé um evento para cerca de 100 pessoas. Pequeninos, jovens, pais, mães, professores juntaram-se para celebrar o aniversário do Scratch MIT, o SAPO Scratch e o EduScratch, num evento onde se partilharam boas práticas e, sobretudo, se aprendeu, se experimentou e se praticou muito. (Vejam AQUI como um dos participantes viveu e respirou o dia).

- Foi o primeiro em que finalmente senti que a missão estava cumprida. Tal como disse na minha muito simples comunicação/apresentação, se eu desaparecesse... o Scratch continuaria para sempre (agora até no currículo da disciplina de TIC de 7.º e 8.º anos) pela mãos dos muitos Amig@s que o CCTIC tocou ao longo dos últimos anos.

 

 

Mas, não foi tudo. Quando acabei de fazer a minha comunicação, não me deixaram sair do palco e ofereceram-me uma surpresa que me deixou sem palavras e muito comovida. Um vídeo, um caderno com dedicatórias, uma camisola "Scratch" e um ramo de flores. Não... na verdade não foi nada disto que me deram. O que aconteceu naquele instante mágico foi um abraço do tamanho do mundo, feito dos mil braços de gente muito especial (grandes e pequenos), com quem me fui cruzando país fora nas missões de partilha e disseminação de sementes. Indescritíveis aqueles cerca de dez minutos em que também acabei realmente abraçada pelos amigos presentes (em nome dos ausentes) e pelas crianças do primeiro ciclo com quem convivi nos meus tempos de missão no CCTIC.






 

 



 Talvez eles não soubessem (nem eu sabia), mas estava realmente precisada daquele abraço para acordar de um certo estar meio acinzentado e triste em que me deixei colocar, desapontada com os caminhos da educação neste país. O que eles me disseram, com este abraço enorme, é que simplesmente podemos fazer a diferença, mesmo se pouca, no combate a todos os retrocessos, e que não posso perder o meu sorriso, nem a crença de que vale a pena cada sementinha partilhada.



Um obrigada imenso! ... Sem vocês, a vossa dedicação, o vosso carinho, o vosso interesse e empenho nada teria acontecido e vocês sabem bem. Uma andorinha não faz a primavera...

Mais fotos do evento AQUI no facebook EduScratch.

(As fotos nesta entrada são de amigos vários...)

3 comentários:

Vânia Ramos disse...

T.. depois de ler o que escreveste.. agora fui eu que não me contive <3
A homenagem que te fizemos foi muito pequena comparada com o muito que nos deste e nos dás!
Um beijo e um obrigado por tudo.. pela amizade, pelo carinho, pelo sorriso, pelo abraço.. por tudo o que comigo tens partilhado e por tudo o que me tens ensinado. Gosto muito de ti!

Eduardo Martinho disse...

Sabes como nós, os teus Pais, vivemos estes momentos. Também nós ficámos comovidos, e agradecidos a tod@s os Amig@s que promoveram essa bela homenagem, que julgo (por tudo aquilo que conheço de ti) ter sido inteiramente justa.
Parabéns!
Bjokas

3za disse...

Obrigada Vânia, minha filhota adotiva :) e obrigada Pai e Mãe... a culpa também é de todos vocês :) :) Beijinhos muitos